Por que você deve escolher Natal ou Recife para viajar nas férias?

4 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Escolher Natal ou Recife para viajar é uma boa ideia porque ambos destinos oferecem passeios imperdíveis e paisagens deslumbrantes aos visitantes. Embora os dois sejam destinos imprescindíveis para quem quer conhecer melhor o nordeste brasileiro, cada um apresenta especificidades que, à sua maneira, contribuem de forma perfeita para se montar um roteiro de viagem dos sonhos.

Pensando nisso, mostraremos, a seguir, dicas com as principais informações de por que você deve investir em Natal ou Recife para viajar. Preparado para descobrir dicas incríveis? Continue, então, com a leitura!

Por que conhecer Recife?

Capital de Pernambuco, Recife é conhecida pela arquitetura exuberante, de inspiração holandesa, e pela culinária, famosa por pratos com frutos do mar, cuscuz, tapioca e o famoso Bolo de Rolo, que é considerado Patrimônio Imaterial. Além disso, outras características da cidade fazem com que ela se destaque no cenário nacional, como veremos a seguir.

Frevo

Sabia que Recife é a capital do Frevo? Ele, que é uma das danças mais tradicionais do Brasil, pode ser encontrado na capital durante todas as épocas do ano e costuma encher os olhos dos turistas. O ritmo musical é uma representação criativa da fusão de vários gêneros, como maxixe, dobrado e polca.

Artesanato

Dos bonecos gigantes de Carnaval a namoradeiras e instrumentos musicais com forte sustentáculo na cultura do cangaço, Recife dá um show quando o tema é cultura. A viagem à cidade é uma oportunidade inesquecível para se ver de perto o que há de mais original e criativo em artesanato e cultura nordestina.

Por que conhecer Natal?

O visitante que procura sombra e água fresca nas praias mais agradáveis do Brasil, por sua vez, não pode deixar de conhecer Natal. Na cidade, há praias para todos os gostos, com destinos badalados e lugares mais reservados, como veremos abaixo.

Passeios diversos e acessíveis

Natal oferece diferentes tipos de passeios aos visitantes, muitos deles acessíveis. É possível tentar a imersão na realidade local a partir da interação com a população na zona Norte, por exemplo, em regiões como a praia da Redinha, conhecida por ser a vila mais antiga de pescadores da cidade.

Ao mesmo tempo, o turista pode apostar na prática de esportes como o windsurf e o kitesurf, ou aproveitar para conhecer pontos turísticos famosos como o Forte dos Reis Magos, o Centro de Turismo de Natal e a badalada praia de Ponta Negra.

Forró

Que tal aproveitar a estadia para curtir um dos forrós mais originais da redondeza? A cidade abriga o projeto Forró com Turista, iniciativa que transforma as noites de quintas-feiras em puro entretenimento para moradores e turistas.

A oportunidade é perfeita para conhecer o verdadeiro pé de serra e entrar em contato com artistas locais, bem como com a comida tradicional e a hospitalidade que caracteriza o natalense.

Vale a pena conhecer os dois destinos em uma mesma viagem?

Se Natal é a opção perfeita para todos os tipos de bolso, já que apresenta uma ampla oferta de atividades e estilos diferentes de praia, o turista preparado pode aproveitar a ida ao Nordeste para conhecer as duas capitais de uma só vez, se der.

A distância entre as cidades é de cerca de 285 quilômetros, o que dá uma média de três horas e meia de viagem. Assim, quem dispõe de mais dias de férias pode considerar a possibilidade de transformar o passeio em uma experiência diversa e rica em sabor e cultura.

Curtiu as informações sobre por que vale a pena investir em Natal ou Recife para viajar? Deixe um comentário no post e compartilhe com a gente suas expectativas sobre esses dois lindos lugares!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-