Home Imperdíveis! Conheça 7 pratos típicos do Rio Grande do Norte

Imperdíveis! Conheça 7 pratos típicos do Rio Grande do Norte

pratos típicos do rio grande do norte são variados, mas prometem agradar a todos

Os pratos típicos do Rio Grande do Norte são bem variados, alguns até surpreendentes, mas agradam a todos os gostos. Como a culinária nordestina, a gastronomia potiguar é bastante diversificada e rica em ingredientes, temperos e aromas.

Por ser um dos principais produtores de camarão do país — cerca de 15 toneladas/ano —, o crustáceo é um dos ingredientes mais utilizados na culinária local, assim como outros frutos do mar.

Mas existem muitas opções gastronômicas típicas, como carne de sol, baião de dois, feijão-verde, arroz de leite, e até de sobremesas, como o famoso doce de caju e a cartola. Quer saber mais sobre essas delicias e onde encontrá-las? Continue lendo!

1. Paçoca de carne de sol

Um dos pratos típicos do Rio Grande do Norte é a paçoca. Porém, essa iguaria nada tem a ver com o tradicional doce de amendoim conhecido em outras regiões do país.

Na culinária potiguar, a paçoca é uma espécie de farofa, composta por farinha de mandioca e pedaços de carne de sol desfiados, temperados com cebola, alho, coentro e cebolinha. Pode ser servida como acompanhamento para outros pratos mais secos ou até mesmo como um tira-gosto.

2. Baião de dois

Prato típico nordestino, o baião de dois tem muitas variáveis em toda a região, mas consiste, basicamente, no cozimento primeiro do feijão e depois do arroz, na mesma panela.

Como o arroz cozinha no caldo do feijão, muitas receitas também o aproveitam para cozer pedaços de carne de sol e linguiça. Finalizado, o acréscimo de queijo coalho dá aquele toque especial à receita.

3. Bobó de camarão

É um dos pratos mais apreciados no Rio Grande do Norte. O creme do bobó é feita à base de purê de mandioca, camarões frescos, gengibre e azeite de dendê. Acrescenta-se a ela mais camarões refogados em leite de coco e temperos diversos.

4. Feijão-verde

Um dos carros-chefes da culinária de Natal, o feijão-verde, ou feijão-de-corda ou ainda feijão-fradinho, é um dos pratos mais consumidos em todo o Nordeste e um dos melhores acompanhamentos para a carne de sol.

Seu modo de preparo é bastante simples e segue os mesmos moldes do feijão tradicional, inclusive os temperos. A diferença é que, geralmente, essa receita se faz mais cremosa, com nata fresca, queijo coalho, requeijão ou creme de leite.

5. Arroz de leite

O modo de preparo desse arroz segue as receitas convencionais. Porém, assim como o feijão-verde, para dar maior cremosidade ao prato, quando o arroz está cozido e a água toda seca, acrescenta-se meia xícara de leite com manteiga ou margarina, deixando cozinhar um pouco mais até o arroz apresentar uma consistência cremosa.

6. Doce de caju em calda

Fruta típica abundante do Nordeste e tradição no Rio Grande do Norte, o doce de caju em calda é muito simples de fazer e divino de comer. A receita leva 20 cajus médios, 500 gramas de açúcar, cravo e canela a gosto.

7. Cartola

Outro doce bastante popular em terras potiguares é a cartola, que combina bananas maduras fritas ou cozidas em tiras, cobertas com queijo de manteiga ou coalho e polvilhadas com açúcar mascavo e canela, ou até mesmo cacau em pó.

Agora você deve estar querendo saber onde encontrar todas essas delícias, certo? O Centro de Turismo de Natal é o local ideal para degustar essas iguarias.

Quer saber mais sobre a gastronomia e cultura do Rio Grande do Norte? Curta nossa página no Facebook e fique por dentro das atualizações do nosso blog.

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *