Home Você sabe onde fica um dos maiores cajueiros do mundo? Descubra agora!

Você sabe onde fica um dos maiores cajueiros do mundo? Descubra agora!

A natureza é mesmo espetacular! Uma prova dessa afirmação está localizada na praia de Parnamirim, em Pirangi do Norte, município bem próximo a Natal. Por muitos anos um pé de caju plantado naquela cidade foi considerado o maior cajueiro do mundo e se tornou uma atração turística reconhecida internacionalmente que possui uma grande área de visitação.

O cajueiro é uma árvore frutífera típica do nordeste brasileiro. Seu fruto, o caju, é constituído pela castanha e por um pedúnculo carnoso de sabor delicioso, rico em vitamina C. O caju é o protagonista de muitas iguarias típicas da região. Além do tradicional doce em calda, os turistas também se deliciam com a cachaça e o licor produzido com ele.

A árvore plantada pelo pescador Luiz Inácio de Oliveira em 1888, deu origem a um dos principais pontos turísticos aos arredores de Natal. Neste post vamos lhe apresentar as principais informações dessa espécie peculiar. Continue a leitura e confira!

Desfrute de atrações fantásticas

O espaço onde está plantado o cajueiro que ocupa um quarteirão — e não para de crescer! — é um complexo turístico. Para se ter ideia da dimensão, a copa da árvore é maior que um campo de futebol, equivalente a mais ou menos 70 cajueiros de estatura regular.

Lá os visitantes encontram um mirante com vista panorâmica do cajueiro e de algumas praias da região sul. Uma passarela de madeira possibilita caminhar entre os galhos da árvore gigante e no período de safra os próprios visitantes podem colher o caju para degustação. O cajueiro do Rio Grande do Norte produz cerca de 80 mil frutos anualmente.

O lugar parece ser uma floresta de uma árvore só, mas, na verdade, são dois cajueiros que compõem a paisagem. Bem ao lado do principal há um segundo, plantado anos antes, porém, ele não sofre da mesma anomalia e possui tamanho normal.

A área de visitação de um dos maiores cajueiros do mundo inclui quiosques onde acontece a feira de artesanatos com grande variedade de produtos produzidos pelos moradores. Para impedir que a copa do cajueiro invadisse a Rota do Sol, um caramanchão foi construído há seis anos. Dessa maneira, as folhas e galhos da imensa árvore ficam suspensos e não atrapalham o trânsito na região.

Celebre os 130 anos dessa árvore grandiosa

A cidade estará em festa no dia 18 de dezembro. Este ano um dos maiores cajueiros do mundo vai completar 130 anos. Quem estiver na região nesse período não deve perder a oportunidade de visitá-lo. A programação especial de aniversário costuma contar com exposição de produtos produzidos com o caju e apresentações culturais.

Veja como chegar até o cajueiro

Se você está com viagem marcada para Natal ou tem o sonho de conhecer a cidade, não deixe passar a oportunidade de visitar um dos maiores cajueiros do mundo. O trajeto é rápido e pode ser feito de ônibus ou de carro. São aproximadamente 15 km da praia de Ponta Negra até a cidade de Parnamirim. Para fazer o passeio são cobrados R$ 8 como taxa de visitação. O local disponibiliza guias especializados para os turistas e oferece suco de caju como cortesia. Vale a pena conhecer!

E aí, ficou curioso para fazer uma visita a um dos maiores cajueiros do mundo? Aproveite para seguir a gente nas redes sociais e acompanhe por lá nossas dicas de turismo potiguar! Estamos no Instagram, Facebook e TripAdvisor.

Comentar

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *